Em audiência, juíza humilha idoso com câncer e enfrenta abaixo-assinado pedindo seu afastamento

 Em audiência, juíza humilha idoso com câncer e enfrenta abaixo-assinado pedindo seu afastamento

jurinews.com.br

Por Redação JuriNews
21/01/2022 07:52

Em recente audiência virtual, a juíza americana Alexis Krot, de Detroit, Michigan, humilhou um homem de 72 anos diagnosticado com câncer. Um vídeo do momento foi compartilhado nas redes sociais e desencadeou uma série de críticas à maneira como a magistrada lidou com o caso. Agora, ela enfrenta um abaixo-assinado que querer seu afastamento. O objetivo do site change.org é atingir 300 mil assinaturas na petição online. Paralelamente, corre uma campanha contra a reeleição da juíza.

Desde que foi diagnosticado com câncer, há três anos, Burhan Chowdhury passou a ter dificuldades para se locomover. Sem condições de cuidar do quintal de casa, no subúrbio de Detroit, nos Estados Unidos, ele recebeu uma reprimenda da juíza Alexis Krot.

Durante audiência, a magistrada disse que ele “deveria ter vergonha de si mesmo”. Mesmo explicando que estava “muito fraco” e incapaz de cuidar da grama que tomou conta da entrada de sua residência, a juíza o envergonhou.

“Se eu pudesse, te daria um tempo de prisão por isso”, salientou Alexis Krot. Além de estabelecer uma multa ao idoso, a juíza chamou a quantidade de mato em sua calçada como “totalmente inadequada” e afirmou que sua incapacidade de manter a propriedade arrumada era “imperdoável”. “Você tem que limpar isso”, disse.

Chowdhury foi diagnosticado com câncer em seus gânglios linfáticos em fevereiro de 2019. Segundo seu filho, ele sofre também de pressão alta e um problema cardíaco, além de ter a mobilidade afetada após a descoberta da doença. Desde então, sua condição física se tornou um obstáculo para realizar tarefas domésticas por conta própria.

Deixe um comentário
Leave a Comment