BARRIGA MAIS CHEIA: Auxílio-alimentação de magistrados e servidores do TJ-TO é reajustado em 25% e será de R$ 2,1 mil

 BARRIGA MAIS CHEIA: Auxílio-alimentação de magistrados e servidores do TJ-TO é reajustado em 25% e será de R$ 2,1 mil

jurinews.com.br

Por Redação JuriNews
04/08/2022 21:05

Os desembargadores do Tribunal de Justiça do Tocantins (TJ-TO) decidiram reajustar o valor mensal do auxílio-alimentação, que passou de R$ 1.700 para R$ 2.122 – aumento de quase 25%. A decisão foi publicada nesta terça-feira (2), e vale a partir de outubro deste ano.

O último reajuste no benefício tinha sido em 2019, quando o aumento foi de 41,6%, saltando de R$ 1,2 mil para R$ 1,7 mil.

O auxílio-alimentação é pago para todos os servidores do judiciário, incluindo os magistrados, servidores efetivos, funcionários requisitados ou cedidos de outros poderes e até os comissionados, que são contratados sem concurso público.

Com esse novo aumento o valor do auxílio se aproxima de quase dois salários mínimos. O reajuste deverá ser pago para 2.140 funcionários do Tribunal de Justiça. Por mês o gasto apenas com o pagamento deste benefício será de R$ 4,5 milhões aos cofres públicos.

Levando em consideração todo o valor do benefício (R$ 2.122), o custo anual do auxílio-alimentação vai saltar de R$ 41 milhões para R$ 54 milhões ao ano. Em 2022, o orçamento do judiciário tocantinense é de R$ 694.855.187,00.

Com informações do G1

Deixe um comentário
Leave a Comment