MINISTRO DELGADO: Uma vida dedicada ao Direito. Juristas prestam homenagens

 MINISTRO DELGADO:  Uma vida dedicada ao Direito. Juristas prestam homenagens

jurinews.com.br

Por Redação JuriNews
09/09/2021 - 11:09

O ministro aposentado do STJ José Augusto Delgado, falecido nesta quarta-feira (8), em Brasília, aos 83 anos, deixou um legado na história da Justiça brasileira.

Nobre em seus gestos, encantava a todos com sua cordialidade e simplicidade. Professor de Direito por mais de 50 anos, magistrado durante 43 anos, o ministro José Delgado está sendo reverenciado pela comunidade jurídica brasileira.

Em contato com a JuriNews, juristas que conviveram com ele e foram inspirados pelos seus ensinamentos, deixaram homenagens ao saudoso mestre:

Confira a seguir:

“O ministro José Augusto Delgado era um dos símbolos da Justiça Federal no RN, fosse pela correção dos seus julgamentos, fosse pela celeridade, servindo de exemplo para os que ali, como eu, iniciaram na magistratura, deixando o seu nome também inscrito entre os grandes do TRF5 e do STJ. Professor de gerações na UFRN, lecionava de Direito Comercial a Direito Administrativo, tamanha a facilidade de estudar e explicar acerca dos mais diversos institutos jurídicos, sendo, ainda, um palestrante renomado e, após a aposentadoria, um advogado por demais requisitado e respeitado. Deixará saudades”

Ministro do STJ Luiz Alberto Gurgel de Faria

“Um homem excepcional. Bom, culto, trabalhador, dedicadíssimo à Justiça e ao ensino. O magistrado que consolidou a Justiça Federal no RN como um serviço sério e de excelência. Um grande amigo. Um marido e pai amoroso para Zezé, Liiana, Magnus e Ângelo. Perda irreparável para a magistratura e para o Direito”.

Ministro do STJ Marcelo Navarro Ribeiro Dantas

“Lembrar a passagem do meu querido Mestre, Prof Delgado, pela magistratura brasileira, é necessário pontificar que está muito lhe deve e muito lhe devemos pelo que aprendemos como ser juiz no comportamento e na interpretação das leis. Prof Delgado permanecerá nos seus escritos e na lembrança dos amigos e eternos alunos, como eu. Sua amizade, alegria, conhecimento e serenidade serão perpetuados e recordados pelo testemunho daqueles que o conheceram.”

Ministro do TST e conselheiro do CNJ Emmanoel Pereira

“José Augusto Delgado foi um exemplo de jurista e magistrado. Inovador, a ele devemos o contributo para a formulação de conceitos como a duração razoável do processo, dentre inúmeros estudos”.

Presidente do TRF5, desembargador federal Edilson Nobre

“Para além da inteligência inquietante do Ministro Delgado, nada escapava do alcance da sua elevadíssima intuição jurídica emocional. Dominava o texto e o contexto, lançando mão de arsenal inigualável de que disponha para se comunicar com a grandeza daqueles que lideram pelo exemplo”

Robson Maia Lins, conselheiro do CNE e advogado

“José Delgado foi mais, muito mais, que magistrado.
Deixou os bancos da UFRN, mas a vida acadêmica nunca o deixou.
A advocacia foi sua última alegria profissional.
Os significados que moveram a sua existência são perceptíveis por obra e arte dele próprio. Viva Delgado!”

Erick Pereira, advogado e professor

Deixe um comentário
Leave a Comment