Inscrições para concurso de Diplomata podem ser feitas até 20 de março

 Inscrições para concurso de Diplomata podem ser feitas até 20 de março

jurinews.com.br

Por Redação JuriNews
07/03/2022 20:05

Estão abertas e podem ser feitas até 20 de março as inscrições para o concurso para a carreira de Diplomata. As inscrições podem ser feitas pelo site do Instituto Americano de Desenvolvimento (Iades), banca organizadora do certame.

A seleção do Ministério das Relações Exteriores (MRE), por meio do Instituto Rio Branco, conta com 34 vagas, de nível superior em qualquer área. Os aprovados realizarão atividades de natureza diplomática e consular, em seus aspectos específicos de representação, negociação, informação e proteção de interesses brasileiros no âmbito internacional.

Os ganhos da carreira incluem R$19.199,06 de salário base e R$458 de auxílio-alimentação.

Na primeira fase do concurso Diplomata, os concorrentes passarão por uma prova objetiva. O exame está marcado para acontecer em 17 de abril nas capitais dos 26 estados e no Distrito Federal, em dois momentos.

O primeiro iniciará às 9h30, com duração de três horas. Já o segundo período terá início às 15h, também com duração de três horas. Na primeira prova, os candidatos responderão a 73 questões que são divididas pelas disciplinas de: Língua Portuguesa (10 questões); Língua Inglesa – 9 questões; História do Brasil – 11 questões; História mundial – 11 questões; Política Internacional – 12 questões; Geografia – 6 questões; Economia – 8 questões; Direito – 6 questões.

A segunda etapa do concurso de Diplomata do MRE será composta por provas escrita de Língua Portuguesa e Língua Inglesa, com caráter eliminatório e classificatório. Vale destacar que a aplicação será somente nas capitais onde houver candidatos aprovados na objetiva.

O concurso Diplomata contará com uma terceira e última etapa, que serão as provas escritas das demais disciplinas. Estes exames escritos também terão caráter eliminatório e classificatório. Serão cobradas assuntos de História do Brasil, Política Internacional; Geografia; Economia; Direito; Língua Espanhola e Língua Francesa.

Além disso, os aprovados também serão submetidos a um curso de formação no Instituto Rio Branco, em Brasília.

Com informações da Rota Jurídica

Deixe um comentário
Leave a Comment