TJ-RN Câmara Criminal do TJ-RN deve implantar sistema de estatísticas em 2017

O novo presidente da Câmara Criminal do TJRN, desembargador Glauber Rêgo, encaminhou nesta terça-feira (10), pedido oficial à Presidência da Corte de Justiça potiguar para que seja nomeado um responsável para implantação de um sistema de estatísticas. A sugestão foi realizada na primeira sessão ordinária do órgão julgador em 2017, sendo aprovada, à unanimidade, pelos desembargadores Gilson Barbosa e Saraiva Sobrinho.

A solicitação se constitui em um dos primeiros atos administrativos ligados à Câmara Criminal e prevê, inicialmente, a contratação de estagiários que definam um banco de dados, que abranja a movimentação dos recursos e Habeas Corpus que chegam ao órgão do TJ-RN.

“Queremos ter um perfil desses recursos e HCs, que nos tragam dados sobre qual o tempo dos julgamentos e, por exemplo, o quantitativo de demandas que apuram crimes contra a vida ou ao patrimônio público”, explicou o desembargador Glauber Rêgo.

Com informações do TJ-RN

 

 

+ Leia também

VOLTAR