Exercício da advocacia Advogados enfrentam dificuldades no dia da eleição em Natal e Mossoró

Advogados encontraram dificuldades para atuar durante o primeiro turno das eleições gerais em Natal e Mossoró. Dois casos chamaram atenção por impedir o exercício profissional. 

Um deles ocorreu na sede da Polícia Federal em Natal, onde os advogados de uma coligação não puderam ter acesso as dependências do prédio público alegando que se tratava de uma área de segurança. 

A Comissão de Prerrogativas da OAB-RN foi acionada e esteve com o delegado de plantão no local e o mesmo se recusou a assinar o auto de violação de prerrogativas e reafirmou que o acesso dos advogados somente seria permitido mediante a existência de ocorrências. 

O outro caso se deu em virtude da falta de prioridade de votação para os advogados de partidos e coligações em algumas sessões eleitorais de Natal e Mossoró. A prioridade era dada apenas para juízes e promotores que também atuaram no pleito. O problema foi resolvido quando no início da tarde o Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte reforçou junto às zonas eleitorais a obrigatoriedade da prioridade para os advogados que estavam trabalhando. 

Para o advogado e professor da UFRN Erick Pereira, os casos relatados obstaculam o exercício da profissão na defesa da democracia.  "Os advogados só conseguem entender a importância da valorização da advocacia quando encontram situações como essas na militância do dia a dia. O advogado não pode ser impedido de atuar livremente. E, essa bandeira de valorização da profissão tem que sair do discurso e se efetivar na prática.” disse.

O presidente da Comissão de Defesa das Prerrogativas da OAB-RN, Deywsson Gurgel, destacou a atuação dos membros da Comissão no dia da eleição. "Atuamos nesses dois casos e ficamos em regime de plantão para garantir o exercício da profissão durante todo o dia. A OAB-RN continuará vigilante durante o segunto turno para para garantir a legalidade do pleito e apoiar o exercício profissional dos advogados", frisou Deywsson Gurgel.

 

 

+ Leia também

VOLTAR